terça-feira, 6 de setembro de 2011

Democracia Grega e Democracia Atual: Quais as Diferenças?

Até onde sabemos, os antigos gregos foram os autores das primeiras experiências de democracia que prosperaram, destacando-se, dentre essas, a da cidade-Estado de Atenas. Hoje, no entanto, chegamos a falar em democracia a todo instante, dando por suposto que essa é a forma de governo mais "óbvia" e "normal". A questão que proponho é: que diferenças haveria entre a democracia da Grécia Antiga e os governos democráticos que vemos no mundo atual?
Selecionei dois pontos para comparação - embora pudesse citar vários outros.
Primeiro, o conceito de cidadão para os gregos era muito diverso daquele adotado nas modernas democracias. O cidadão grego típico era o indivíduo do sexo masculino, adulto, em pleno exercício das obrigações militares (que não eram poucas!), proprietário de terras, nascido em território da cidade-Estado em questão e, evidentemente, de condição livre. Essas exigências deviam-se, entre outros fatores, à necessidade de que tivesse tempo de sobra para estar na Ágora,  a fim de dedicar-se a administração da cidade, enquanto outros (escravos, por exemplo), faziam todo o trabalho braçal,  garantindo o sustento e a prosperidade da elite cidadã. Vê-se, pois, que o número de pessoas em condições de participar ativamente de uma democracia grega reduzia-se bastante, porque mulheres (mais ou menos metade da população), crianças e adolescentes de ambos os sexos e escravos (a maior parte da força de trabalho) dela estavam necessariamente excluídos.
E hoje? As regras de cidadania variam um pouco de país para país, mas excetuando-se o que ocorre em alguns Estados esquizofrênicos, tanto homens como mulheres são (ao menos legalmente), cidadãos plenos, podendo votar e ser eleitos. Além disso, profissão ou condição econômica não costuma ser um aspecto restritivo ao direito de cidadania, pois já vão longe, em quase toda parte, os dias do voto censitário.
Um segundo aspecto a ser comparado (e que decorre do primeiro), é que a democracia, na Grécia Antiga, era direta, enquanto hoje, com exceção de uns pouquíssimos casos, é representativa. Isso quer dizer que, quando convocado, o cidadão grego comparecia pessoalmente à praça da cidade para discutir e votar os assuntos que interessavam ao governo, podendo, inclusive, ser escolhido para exercer cargos que hoje chamaríamos de executivos e judiciários, mediante um mandato (geralmente de um ano) para o qual era indicado quase sempre por sorteio. Nessas condições, era muito importante saber falar de forma clara e persuasiva, razão pela qual os gregos davam muita importância à educação dos jovens, como garantia de que seriam capazes de exercer convenientemente, quando adultos, seus compromissos de cidadãos.
As democracias contemporâneas, conforme já disse, são quase todas representativas, salvo quando, eventualmente, os cidadãos são convocados a um plebiscito cujo resultado venha a ser normativo. É fácil entender a razão. Imagine que todos os cidadãos brasileiros fossem convocados a comparecer em determinada data à Praça dos Três Poderes para votação direita de um determinado assunto...
Vê-se, leitor, portanto, que na Grécia Antiga o conceito restritivo de cidadania compatibilizava-se com a democracia direta, enquanto hoje, devido à ampliação do status de cidadão a um número muito maior de pessoas, pratica-se a democracia representativa. Elegem-se representantes (deputados), que, no caso do Brasil, votam no Congresso Nacional em nome dos cidadãos que representam. Os Senadores, embora eleitos por voto popular, são representantes de seus respectivos Estados.


Veja também:

37 comentários:

  1. Agradeço muito a ajuda, eu realmente estava com dúvida no que se tratava da diferença entre a democracia atual e a criada pela Grécia Antiga. Foi de grande ajuda para meu trabalho escolar! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita; se tiver alguma dúvida, pergunte, sim?

      Excluir
  2. obrigada, mim ajudou bastante na minha pesquiça :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O blog História & Outras Histórias é que agradece sua visita. Continue a aparecer por aqui, sim?

      Excluir
  3. Respostas
    1. Layane Lay, obrigada por visitar o blog História & Outras Histórias. Fico feliz por ter ajudado. Volte sempre que quiser...

      Excluir
  4. Nossa! Me ajudou bastante, graças a você fiquei com 9,5 valendo 10, muito obrigada mesmo. Abração!! Fique com Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu é que lhe agradeço por ter visitado o blog, e fico feliz por ter-lhe ajudado. Volte outras vezes :-)))

      Excluir
  5. Nossa, esse texto me ajudou bastante em relação às minhas dúvidas. Dentre os sites que visitei, esse é o mais completo. Muito obrigada mesmo, pois estava começando a me desesperar pois eu não entendi nada do assunto quando a professora explicou - em filosofia, e não entendi mesmo lendo outros textos. Tenho um trabalho que vale 4, 0 pontos e acredito que irei apresentá-lo bem. Obrigada, muitíssimo obrigada pela ajuda e esclarecimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sophie O'Connell, o blog é feito para leitores/estudantes como você, que têm interesse por História e querem aprofundar os conhecimentos. Obrigada pela visita. Tenha muito sucesso em seu trabalho!

      Excluir
  6. Nossa, esse texto me ajudou muito a entender sobre a Democracia, e também para fazer um trabalho escolar. Eu não conseguia entender o que os outros textos falavam sobre o tema, mas esse texto foi bem claro e objetivo para a minha compreensão, agradeço muito.
    Muito Obrigada.
    Atenciosamente Beatriz.
    Eternamente Grata à Marta Iansen.
    Um grande Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beatriz, fico feliz por ter ajudado. Se tiver alguma dúvida, sinta-se livre para perguntar, Ok?
      Um abraço e muito sucesso em seu trabalho escolar e nos estudos!

      Excluir
  7. Muito Obrigada! Isso me ajudou bastante mesmo!! :)

    ResponderExcluir
  8. Respostas
    1. Olá, se tiver alguma dúvida, fique à vontade para perguntar. Obrigada por sua visita ao blog. Volte quando quiser! :-)))

      Excluir
  9. Obrigado , eu estou em período de provas e este site me ajudou muito....

    ResponderExcluir
  10. Quais sao as semelhancas entre os dois?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nos dois casos - democracia na Grécia Antiga e democracias ocidentais da atualidade - a proposta é haver ampla participação do "povo", ou seja, dos cidadãos, nas decisões do governo, seja por voto, plebiscito ou escolha de representantes. Além disso, os governantes, em ambos os casos com mandatos eletivos, por tempo limitado e escolhidos por voto popular, deveriam provir da massa de cidadãos. Lembre-se, porém, que há uma grande diferença no conceito de cidadão em um e outro caso, conforme você já deve ter notado pela leitura da postagem.

      Excluir
  11. Quais sao as semelhancas entre os dois?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gilberto, veja, por favor, a resposta ao comentário anterior. Creio que ela se aplica também à sua pergunta. Se tiver alguma dúvida, entre em contato novamente, sim?

      Excluir
  12. Muito obrigado, exelente blog, me ajudou bastante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Luan. Apareça outras vezes por aqui :-)))

      Excluir
  13. Texto absurdamente mais repleto de conhecimento de forma concisa e direta que li. Excelente. Seu blog já virou meu objeto de consulta. Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Malu Coimbra. Fico feliz por ajudar, essa é a ideia rsrsrsss...

      Excluir
  14. Marta, excelente texto, queria lhe-dar um palpite, porque você não coloca esse texto em partes para ter menos trabalho ao leitor que quer achar sua resposta como mais facilidade. Obrigado pela atenção, excelente blog eu sempre uso ele!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Emanuel Santos,

      O blog História & Outras Histórias tem como público-alvo os leitores adultos, escolarizados e que têm interesse por História como lazer cultural. É por isso que quase todas as postagens são escritas como artigos, e não como textos didáticos.
      Isso não quer dizer que estudantes não sejam bem-vindos. Pelo contrário! Sei que muitos leitores são jovens secundaristas ou universitários, e é ótimo tê-los também por aqui.
      Várias pessoas já me disseram que seria interessante criar um "filhote" para História & Outras Histórias, que tivesse uma abordagem especificamente didática, voltada para o público estudantil. Acontece que não sei se teria tempo disponível para isso. Mas, quem sabe? Se eu tiver certeza de que haverá um bom número de leitores, posso até pensar no caso.
      Obrigada pela sugestão. Apareça sempre!

      Excluir
  15. Mais atual, impossível! Parabéns pelo blog!
    Abraços,
    Ana Christ

    ResponderExcluir
  16. Melhor blog sempre,me ajudou muito na minha pesquisa, obg!!

    ResponderExcluir
  17. eu queria uma comparaçao da democracia grega com a atual

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, acho que não estou conseguindo entender o que você disse. O texto acima faz uma comparação entre o que era a democracia na Grécia Antiga com o que acontece nas democracias ocidentais da atualidade, com destaque para o Brasil, naturalmente. Se for isso que você quer, é só ler o post direitinho :-)))
      Porém, se o que você quer é uma comparação entre o que era a democracia na Grécia Antiga e a que existe na Grécia de hoje, talvez o assunto já fuja um pouco do objetivo deste blog. A Grécia tem passado por turbulências consideráveis no cenário político e econômico ao longo do último século - hoje vigora nela o parlamentarismo. Entretanto, em algum momento no futuro, posso até pensar em abordar o assunto.
      O planejamento do blog para o restante de 2017 já está fechado; portanto, alguma sugestão de assunto para novas postagens somente poderá ser atendida (se for viável) para algum momento em 2018 ou 2019.
      Agradeço por ter acessado o blog. Se achar que pode ser útil explicar melhor o assunto de que você precisa, escreva um novo comentário.

      Excluir
  18. Respostas
    1. Olá, Marcos,

      Obrigada por visitar este blog.

      Excluir

Democraticamente, comentários e debates construtivos serão bem-recebidos. Participe!
Devido à natureza dos assuntos tratados neste blog, todos os comentários passarão, necessariamente, por moderação, antes que sejam publicados. Comentários de caráter preconceituoso, racista, sexista, etc. não serão aceitos. Entretanto, a discussão inteligente de ideias será sempre estimulada.